Viajando com amigas: prós e contras

Minha primeira viagem com minhas amigas foi em uma excursão da escola ao hopi hari, quando eu tinha uns 11 anos. Fomos comendo Cheetos e cantando fulano roubou pão na casa do João, sábado de sol aluguei um caminhão, toda vez que eu chego em casa a barata da vizinha tá na minha cama…entre tantos outros sucessos imortais.  A experiência foi parecida na minha viagem pra Disney, com direito à inesquecível experiência de acordar dormindo no corredor do hotel e passar a noite pulando na cama e comendo Doritos com cheddar.

Só fui realmente viajar com minhas amigas sem a supervisão de professores, pais ou guias no meu mochilão pela Europa, junto com minha melhor amiga. Depois viajei com um grupo maior, de 3 meninas, quando fui pro Ultra Music Festival em Miami. Essas duas experiências (e também as excursões de adolescência) me inspiraram a escrever este post, analisando o lado bom e o lado ruim de viajar com as amigas.

Prós:

1. Você nunca vai ficar entediada

Num grupo de amigas sempre tem algo acontecendo e até uma viagem longa não é entediante. Eu já joguei stop numa viagem noturna de Roma à Munique, já tirei foto das minhas amigas dormindo num vôo até Miami, e fiz apresentações, desenhos e vídeos retardados (que rendeu esse vídeo aqui) numa estação em Termini, quando eu e minha amiga chegamos 3 horas adiantadas e, mesmo assim, quase perdemos o trem.

2. É muito mais fácil ser extrovertida

Quando você está sozinha é muito mais difícil ter a coragem de falar com estranhos, de se aventurar e se arriscar um pouquinho. Então, fica bem mais fácil fazer novos amigos quando você já tem uma (ou algumas) do seu lado, afinal se você fizer papel de boba isso só vai ser mais um motivo pra vocês rirem juntas.

3. Você vai ter alguém pra cuidar de você

Viagens não são feitas apenas de pontos altos e momentos legais, então é sempre bom ter alguém pra cuidar de você caso você fique doente, bêbada demais ou só precise de um carinho quando a saudade de casa bater.

Quando fui atropelada em Nice, durante nosso mochilão, minha amiga não só foi na ambulância comigo, como passou o resto da noite no hospital, o que tornou toda a experiência muito mais agradável (de verdade, foi agradável mesmo, a gente acabou se divertindo mais do que se tivéssemos saído).

4. Você vai ter sempre uma fotógrafa à sua disposição

Nada contra os paus de selfie, os tripés e a ajuda de completos estranhos… mas ninguém melhor que sua amiga para saber tirar fotos suas na viagem do jeitinho que você gosta. Sem contar que vocês podem estrelar poses super originais, como fazendo formato de coração com a mão.

5. Você vai economizar bastante em hotéis

Claro que dividir quarto com mais 12 pessoas é uma opção mais barata que dividir com apenas uma, mas se você já não curte os dormitórios de hostel, os quartos de hotel ficam muito mais baratos quando divididos. No caso de destinos com acomodações baratinhas pode acontecer de um quarto de hotel dividido em 2 sair mais barato que sua estadia em um hostel, no meu mochilão pela Europa foi assim… ficamos em hotéis budgets como ibis e pagamos a mesma coisa que se cada uma pagasse uma cama individual em dormitório.

 

CONTRAS:

1. Nem sempre vocês vão concordar

Viagens sempre têm momentos de stress e tensão, some a isso a diferença de opiniões e os dias em que uma de vocês vai querer ir ao museu enquanto a outra vai querer passar o dia na praia… A verdade é que viajar com as amigas demanda muito jogo de cintura, e a própria convivência por muito tempo em quartos de hotel pode acabar causando um mal estar entre vocês. A vantagem de viajar sozinha é não ter que abrir mão dos seus planos para incluir os da sua amiga.

2. É mais fácil se acomodar

Quando você viaja sozinho fazer amizades é quase uma necessidade, mas quando você já viaja com um amigo pode ser que você se acomode demais e deixe de se conectar com novas pessoas. Não só isso, o fato de você ter alguém com quem conversar em português muitas vezes acaba diminuindo as vezes em que você se comunica em outro idioma.

3. Você nunca vai estar sozinha

Para algumas pessoas esse pode ser um ponto positivo, mas ficar sozinho pode ser (e é) muito saudável, principalmente naquelas viagens com objetivos mais espirituais e de amadurecimento. Não só isso, para pessoas acostumadas a terem seu espaço e tempo para ficarem sozinhas, estar acompanhada o tempo todo pode ser algo extremamente estressante.

4. Elas podem acabar com sua vibe

Algumas pessoas reagem de formas diferentes à problemas e desafios, então pode ser que o negativismo ou outras atitudes chatas das suas companhias acabem por prejudicar a vibe da viagem. Da mesma forma, às vezes a gente também se sente meio chata e acabamos estragando a experiência da amiguinha.

5. Tem coisas que só uma viagem sozinha pode proporcionar

Por mais que uma viagem com as amigas possa proporcionar muitas histórias divertidas e fortalecer amizades, viajar sozinha proporciona coisas que uma viagem em grupo não consegue: auto conhecimento, amadurecimento, autoconfiança… a lista é infinita.

 

Veredito:

Viajar com as amigas pode ser muito divertido e com certeza vai garantir boas risadas e histórias pro resto da vida, mas também tem seu lado negativo. No final das contas, a decisão vai depender do objetivo da sua viagem e do momento que você está vivendo, porque pode ser que a viagem solo seja a mais apropriada se o que você procura é paz, auto conhecimento, novas amizades e aprender a encarar  desafios sozinha.

O importante mesmo é não deixar de viajar só porque suas amigas não se interessam por viagem da mesma forma que você. Agora, se elas toparem, saiba também ser paciente e abrir mão de certas coisas na viagem em prol da boa convivência, na maior parte das vezes é possível atender todos os interesses em um só itinerário, é só querer.

You may also like

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *